Olhos na Bola

 

“Quando muda a sua maneira de olhar as coisas,

as coisas para onde olha mudam” (Wayne Dyer)

 

 

 

 

 

 

 

Dia 16 de Março das 10 às 17h

Com Angela Mendes.

 

 

 

Perdemos muito tempo e energia a querer mudar as situações exteriores a nós, achando que é isso que nos fará atingir os nossos objetivos. Se for num jogo de futebol, por exemplo, desejamos mudar os jogadores, o árbitro, o campo, o dia do jogo pois acreditamos que alterar alguma das circunstâncias exteriores fará alcançar outros resultados.

 

Mais do que mudar as suas circunstâncias, vamos mudar a forma como olha para elas. E fazer das circunstâncias, sejam elas quais forem, o seu aliado no jogo da vida. Vamos, juntos, perceber que a bola é você mesmo, a bola está em si, e o que o vai fazer ganhar o jogo da vida é saber onde se quer colocar no campo.

 

Reconhece aquela sensação de desejar atingir um objetivo e não conseguir?

Tentar muito, esforçar-se, mas por mais que faça não consegue alcançá-lo?

Consegue parar e identificar que você é muitas vezes o seu maior obstáculo?

 

 

O conflito entre as circunstâncias externas e a nossa programação interna, repleta de crenças, valores, traumas, medos, experiências passadas, envia-nos mensagens contraditórias e criamos stress, perdemos energia e comprometemos o resultado desejado ou afetamos o nosso corpo e saúde. E mesmo quando atingimos o objetivo, a capacidade de o celebrar é diminuída.

 

 

Este é o workshop ideal para parar e olhar para dentro de si e perceber o que está em falta para o conseguir. E conseguir nem sempre é o resultado em si, é a forma como vive e convive com as suas batalhas, vitórias e derrotas.

 

Afinal a capacidade cria-se nos treinos, não no dia da competição. Aproveite este dia para se treinar internamente. Para adquirir ferramentas para que o seu treino diário seja também interno.

 

 

Este workshop tem como objetivo treiná-lo internamente:

• Venha olhar para a sua programação interna.

• Venha perceber se o que aprendemos a fazer na vida o ajuda ou o prejudica. Diz, “eu consigo” e ignora tudo até o seu corpo, ou diz “não consigo” e desiste?

• Entender que cada programação interna tem vantagens e desvantagens.

• Olhar para as crenças que estão a ser os seus maiores obstáculos.

• Criar uma nova forma de focar a sua energia de forma a não ficar única e exclusivamente dependente dos seus resultados.

• Identificar as aprendizagens necessárias para chegar lá, onde quer chegar, seja em que área for.

 

 

Para saber mais envie e-mail para geral@clinicamedicinas.pt